Atendimento via chat (Online). Horário de atendimento: Seg. à Sex. (07:00 ás 18:00)

É sempre bom
ter com quem contar.

Conheça mais

Fan e Auto-Anticorpos

FATORANTI-NÚCLEO (FAN-HEp2) E PESQUISA DE AUTO-ANTICORPOS
A pesquisa de anticorpos contra antígenos celulares em células HEp-2, também conhecida como fator antinúcleo (FAN HEp-2), é um exame de rastreamento de auto-anticorpos utilizado como suporte para o diagnóstico de doenças autoimunes sistêmicas e órgão-específicas.
É um exame destinado à triagem de auto-anticorpos na qual a identificação dos padrões de fluorescência da célula HEp-2 tem como objetivo orientar a escolha de testes específicos que identificam o antígeno-alvo reconhecido.

Como importante auxiliar do diagnóstico das doenças reumáticas auto-imunes e outras órgão-específicas, os resultados de FAN são padronizados de acordo com o 3º Consenso Brasileiro para a pesquisa de
auto-anticorpos em células HEp-2 (FAN). O laudo contempla duas informações importantes para adequada interpretação do resultado: o título e o padrão de fluorescência.

Dentro desse conceito interpreta-se que pacientes com doenças auto-imunes tendem a apresentar títulos moderados (1:320 e 1:640) e elevados (> 1:640), enquanto os indivíduos sadios tendem a apresentar baixos títulos (1:80e 1:160). Entretanto, exceções de ambos os lados acontecem.

 

Do mesmo modo ocorre com relação aos padrões de fluorescência como nuclear homogêneo, nuclear pontilhado grosso e nuclear centromérico, são observados exclusivamente em pacientes com doenças reumáticas auto-imunes, enquanto outros, como nuclear pontilhado fino denso, são encontrados predominantemente em indivíduos sem doença reumática auto-imune.

Dessa forma, a pesquisa de auto-anticorpos específicos é sempre recomendada, pois raramente apresentam positividade em indivíduos sem evidência de doença auto-imune e estão intimamente relacionados com o diagnóstico de determinadas condições auto-imunes além de serem marcadores de atividade da doença e de prognóstico.

A tabela abaixo mostra as principais associações clínicas de alguns auto-anticorpos específicos:

CRITÉRIO DIAGNÓSTICO
Doença Auto-anticorpo
Lúpus Anti-DNA, Anti-SM
DMTC Anti-RNP
S.Sjögren Anti-Ro, Anti-la
AR CCP, Fator Reumatóide
SUPORTE DIAGNÓSTICO
Doença Auto-anticorpo
Esclerodermia Anti-centrômero, Anti Scl-70, Anti-U3RNP
DM/PM Anti-Jo-1
Lúpus Anti-nucleossomo, Anti-RibossomalP

É importante ressaltar que o nível de auto-imunidade fisiológica, ou basal, pode flutuar na dependência de sobrecargas a que o sistema imunológico seja exposto. Está bem demonstrada a presença de auto-anticorpos desencadeada transitoriamente por infecções, medicamentos e neoplasias. Portanto, essa consideração deve ser feita quando houver FAN (HEp-2) positivo e clínica inconsistente.

O Reação Apoio Laboratorial conta com um sistema integrado de análise das lâminas, envolvendo equipamentos de alta qualidade com inteira rastreabilidade de pacientes desde o processamento da amostra até o resultado final, através de códigos de barra contidos na própria lâmina.

 

grafico

modo

Microscópio de imunofluorescência totalmente automatizado que utiliza um padrão de reconhecimento celular gerando uma imagem 3D anexada ao laudo final, tornando mais sensível a determinação dos padrões e elevando os níveis de qualidade para os resultados liberados.

A identificação de auto-anticorpos associada à pesquisa de FAN (HEp-2) compõem técnicas que são importantes no auxílio para o diagnóstico de subtipos de doença auto-imunes e para a determinação do prognóstico desses pacientes. O Reação Apoio Laboratorial, conta com tecnologia voltada para a qualidade de resultados e equipe técnica altamente experiente.